Dr. Marcelo Mendonça - Diretor Técnico - CRM –SP/76.409 - RQE: 5465 - (17) 3222-3844 - 3214-3702 - 3013-0396 - 3214-3720

2 Comentários em “Dr. Marcelo Mendonça fala sobre as novidades contra o glaucoma”

  1. Maria
    Bom tarde, Sr. Dr. Marcelo Mendonça, é com prazer e esperança que assisto a tais novidades no que concerne ao tratamento do glaucoma. Estou interessada na "reposição celular" tal como o sr. dr.explicou, porque o meu pai tem glaucoma em estado avançado e gostaria de perguntar se tal tratamento poderá vir a ser universalizado na Europa ( Portugal ) e para quando será, se será para um futuro próximo? Oxalá haja boas perspectivas de tempo de espera e com bons resultados que permitam dar um pouco de qualidade de vida aos doentes que sofrem desta enfermidade. Desejo um bom trabalho ao sr. dr. e os meus cumprimentos! Bem-haja!
    • Clí­nica Glaukos
      O uso de terapias experimentais não referendadas por órgãos de saúde dos respectivos países só pode ser realizado via recrutamento em uma das universidades participantes destes mesmos protocolos. Para isso geralmente cada protocolo tem uma série de exigências com relação ao quadro clínico do paciente que podem permitir ou não a inclusão do mesmo. Tais pesquisas são mencionadas por nós a título de traduzir para uma linguagem leiga coisas que agências de notícias muitas vezes interpretam de maneira distorcida e o tempo de liberação destes procedimentos para população em geral depende de fatores como: sucesso dos pacientes em protocolo, interesse da indústria em manufaturar os insumos necessários e viabilidade de inclusão destes mesmos procedimentos no sistema de saúde em que o paciente esteja incluído e às regras de reembolso para procedimentos. Reitero que, embora esperançoso de que chegaremos ao resultado satisfatório, a ciência médica é uma ciência inexata e o tempo para o qual prever o sucesso ou fracasso de um tratamento está à mercê de surpresas. Como disse o melhor caminho é procurar o protocolo de pesquisa e a universidade envolvida da forma mais direta possível e checar a possibilidade ou não de inclusão do caso nestes protocolos. Atenciosamente e sempre a disposição, Dr Marcelo Mendonça

Deixe uma Resposta

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Clínica Glaukos. Todos os direitos reservados. Feito por dnn.blog.br.

rvn_polyon_theme rvn_polyon_theme_tv_1_8 rvn_polyon_theme_fwv_2_2